Curiosidades

O que aconteceu com a “menina mais peluda do mundo” após 8 anos da fama?

Supatra ‘Natty’ Susuphan, uma tailandesa de 17 anos que mora em Bangkok, está na ativa nas redes sociais e compartilha fotos dela com seu companheiro para os seguidores. Mas, talvez, você se pergunte o que tem de ‘novidade’ nisso, certo?

Acontece que Supatra, em 2010, ganhou fama mundial ao ganhar o título do livro dos recordes com ‘a mulher mais peluda do mundo’. Como? Ela sofre de uma condição genética extremamente rara chamada síndrome de Ambra, também conhecida com síndrome do lobisomem, que causa o crescimento excessivo de pelos no corpo humano.

Reprodução/ Barcroft Media

A jovem tailandesa é uma das poucas dezenas de pessoas conhecidas que têm tal síndrome e que foram documentadas desde a Idade Média.

Antes da doença ser estudada e compreendida, popularmente, essas pessoas eram tidas como ‘lobisomens’. E, até hoje, em algumas comunidades, esse preconceito persiste.

Após quase oito anos da fama, Supatra é só sorrisos e leva uma vida muito tranquila. Em suas redes sociais, ela exibe fotos com ‘o amor de sua vida’ com legendas do tipo: “Você não é apenas meu primeiro amor, você é o amor da minha vida”.

Reprodução/ Internet
Reprodução/ Internet

Em entrevista à mídia local, seu pai disse que nem mesmo o tratamento a laser conseguiu deter completamente o crescimento do cabelo, e ela agora faz a barba regularmente.

Williams

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *